16 novembro 2013

Poetas caem nos braços de Quintana


Imagem Mary Lovely

Porto Alegre rendeu-se à Poesia.
Poemas à Flor da Pele quase sem fôlego.
Rostos ansiosos e vivos procuravam abraços,
mãos estenderam-se, entrelaçaram-se 
formou-se, assim, a corrente da poesia.
O silêncio do verso sempre projetado nas telas do computador,
transformou-se em grito de poesia, 
que ecoou pelas ruas de Porto Alegre. 
Esta cedeu o colo para o aconchego.

Soninha Porto

Imagem Sigrid Spolzino


3 comentários:

soninha porto disse...

Obrigadas muito feliz de ver seus rostos brilhando de felicidade por estes momentos, bjs.

Reggina Moon disse...

Que maravilha de postagem!...

soninha porto disse...

Bjs Reggina!

Postar um comentário

POEMEM-SE SEMPRE!
SEJAM BEM-VINDOS!

Fale Conosco!

Nome

E-mail *

Mensagem *

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Macys Printable Coupons