15 abril 2012

PONTO FINAL



Pronto! Estou colocando pontos finais
Em algumas histórias vividas
Nada de ponto e vírgula e olha que
Eu já vivi muitas exclamações, mas agora
Vivo um tempo de muita interrogações...

Bastar-me-ia dizer-te: acabou!
Dando ênfase aos dois pontos
E também à exclamação
Porém você parece não entender

É que já ouve muitas reticências entre nós
Agora não é mais possível
Só um ponto final resolverá nossos destinos
Dará um caminho às nossas vidas...

Chega de gritos, de travessões que machucam
O coração como se fossem espinhos
Nada de pausas, paradas, capítulos
Entre nós agora só cabe um ponto final...

Mário Feijó
14.04.12

0 comentários:

Postar um comentário

POEMEM-SE SEMPRE!
SEJAM BEM-VINDOS!

Fale Conosco!

Nome

E-mail *

Mensagem *

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Macys Printable Coupons