19 agosto 2011

LENTAMENTE SÉPIA

Amarelece a foto

reflexo da alma

que desmorona

minuto a minuto

em cada pensar

sem paz

como a praça,

que ora longínqua

se desfaz...


Clau Assi

19/08/2011



0 comentários:

Postar um comentário

POEMEM-SE SEMPRE!
SEJAM BEM-VINDOS!

Fale Conosco!

Nome

E-mail *

Mensagem *

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Macys Printable Coupons